Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Ministério padronizará dados para gestão da informação, TI e comunicação

Publicidade

O Ministério da Saúde iniciou a reformulação do Comitê de Informação e Informática em Saúde (Ciinfo) cujo objetivo é fazer a gestão da informação e definir padrões técnicos de informação e comunicação para o governo federal e o Sistema Único de Saúde (SUS). O primeiro passo do comitê será realizar um levantamento das iniciativas existentes no Ministério da Saúde nas áreas de gestão da informação e da tecnologia da informação e comunicação (TIC) em saúde.
Esse levantamento servirá de subsídio para a definição dos componentes relativos à Tecnologia da Informação e Comunicação que serão inseridos no âmbito do Ministério da Saúde e do SUS. O processo será feito por meio da integração dos bancos de dados e sistemas informatizados.
Outra ação imediata será a aprovação da portaria que traz a reestruturação do Comitê. Entre as metas previstas para este ano está a definição de estratégias para organizar o Sistema Nacional de Informação em Saúde (SNIS) que reunirá dados dos serviços oferecidos SUS e também conterá a identificação dos usuários, profissionais e estabelecimentos da área. A Fiocruz participa do comitê.
O comitê terá uma reunião a cada três meses para deliberar sobre as propostas enviadas pelos membros e será dividido em subcomitês e grupos de trabalho. O Ciinfo é coordenado pelas secretarias Executiva e de Gestão Participativa do Ministério da Saúde, por meio da Secretaria Técnica que tem como responsáveis pelo gerenciamento do grupo os diretores do Departamento de Informática do SUS (Datasus) e do Departamento de Monitoramento e Avaliação da Saúde.
Além da Fiocruz, o comitê conta com a participação de todas as secretarias do Ministério da Saúde, da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Estão incluídos também órgãos de natureza consultiva, como a Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI), do Ministério do Planejamento; Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e Rede Interagencial de Informações para a Saúde (Ripsa) e outros que poderão ser convidados de acordo com a relevância do tema a ser tratado.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta