Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Ministério da Saúde terá R$ 1,1 bilhão para DST em 2010

Publicidade

A verba proveniente do Ministério da Saúde para ações voltadas à prevenção e assistência farmacêutica aos portadores de Aids e outras Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) terá R$ 92 milhões a mais do que o previsto para este ano. Em 2009, previam o orçamento de R$ 1 bilhão nas atividades de prevenção, controle, proteção, diagnóstico, assistência e tratamento. Isso leva a um acréscimo de 9%, atingindo a verba de R$ 1,1 bilhão.
A maior parte dos recursos são destinados à distribuição de medicamentos, cerca de R$ 686 milhões, o que inclui os “restos a pagar”, que são dívidas pendentes de anos anteriores. Em 2010 quase 69% da verba prevista deve ser destinada ao tratamento de quem já possui alguma DST. Neste orçamento, inclui-se gastos de aquisição, acondicionamento, conservação, transporte e distribuição de medicamentos para o tratamento ambulatorial e domiciliar.
Dentro deste orçamento também estão incluídas as ações de: vigilância, prevenção e controle em HIV/Aids e outras DSTs (com R$ 193,2 milhões destinados a fóruns, debates e eventos, entre outras atividades de conscientização); incentivo financeiro a estados, distrito federal e municípios para ações de prevenção e qualificação e a de “vigilância, prevenção e controle das hepatites virais”. Juntas as iniciativas terão R$ 163,4 milhões este ano, 21% a mais do que em 2009.
Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.
 

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta