✉️ NEWSLETTER Assine gratuitamente e atualize-se semanalmente Assinar

Médicos de Manaus só retornam após um acordo justo

Publicidade

Em greve a quatro dias, os médicos de Manaus só voltarão ao trabalho após um acordo justo. Isto é o que defende o Sindicato dos Médicos do Amazonas (Simeam). Até o momento cerca de 90% dos médicos de Manaus aderiram a greve. No interior o funcionamento continua normal.
Entre as principais reivindicações está a implantação do piso salarial médico e de uma carreira específica para o médico dentro do SUS.
No momento, o sindicato aguarda uma audiência com o governo do estado para uma revisão salarial para os médicos servidores do estado. Aguarda ainda o parecer da prefeitura de Manaus sobre uma proposta feita pelo Ministério do Trabalho sobre a implantação de um piso salarial de R$ 3 mil – em substituição ao vencimento básico atual de R$ 300, assim como o acréscimo de 1/4 do salário mínimo para cada ano do médico na prefeitura.

       
Publicidade

Deixe uma resposta