Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Medicina de Reabilitação do Hospital das Clínicas completa 30 anos

Publicidade

A Divisão de Medicina de Reabilitação do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo completa este mês 30 anos. Atualmente, a divisão possui duas unidades – Vila Mariana e Jardim Umarizal, com mais de 250 profissionais que atendem cerca de 500 pessoas por dia e realizam mais de 1500 exames. Os laboratórios da Divisão de Reabilitação do Hospital das Clínicas produzem mais de 470 exames por mês, com avaliações nas áreas musculoesquelética e de análise do movimento. Equipes multidisciplinares tratam os aspectos físicos e psicossociais de cada paciente.
Entre os programas de reabilitação global da DMR, está a Escola de Postura, desenvolvida para melhorar a qualidade de vida de pessoas que sofrem de dores na coluna. Elas são consideradas os pequenos incapacitados, porque tem dificuldades em atividades do dia-a-dia, como trabalhar, ir ao supermercado, dormir, entre outras.
Já as Oficinas Culturais cuidam do lado psicológico do paciente, através da arte sócio-educativa, que auxilia na integração social da pessoa portadora de necessidades especiais. Na DMR, pacientes, familiares e a comunidade em geral, participam de aulas de cartonagem, que utilizam material reciclado para produção de agendas, cadernos e blocos de nota.
O esporte também faz parte do programa de tratamento da DRM. A AEDRECH, Associação Esportiva da Divisão de Reabilitação do Hospital das Clínicas, organiza o basquete em cadeira de rodas, o atletismo, o tênis de mesa e outras modalidades, visando à manutenção da condição física e ampliação dos ganhos funcionais e a inclusão social.
A Divisão de Medicina de Reabilitação promove programas nas áreas de residência médica, aprimoramento e especialização. Desenvolve estudos nas áreas musculoesquelética e da fisiopatologia do movimento com certificados do Conselho Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento Qualificado (CNPq), e participa de projetos de grupos da Organização Mundial da Saúde e com a Universidade Autônoma de Madri.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta