Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Laboratório Hermes Pardini: Como resistir à consolidação ?!

Publicidade

O Laboratório Hermes Pardini é hoje o terceiro  maior do setor de análises clínicas, com receitas de 400 milhões de reais em 2010 e um destaque, pois nunca fez aquisições ao longo de seus 51 anos de existência. Constantemente assediado para venda, “Toda semana alguém nos procura”, diz Victor Pardini, presidente do conselho de administração e um dos três filhos do fundador Hemes Pardini, o laboratório se apóia no modelo de prestar serviços de análise clínica para terceiros.

Há hoje 5.200 laboratórios no Brasil e estes não possuem todos os recursos para analisar exames específicos e de menor volume, o que gera oportunidade para o Pardini.  Em vez de investir seu caixa comprando pequenos laboratórios, o Hermes decidiu atendê-los. Com 5.000 clientes pelo Brasil, o laboratório é líder no segmento de diagnóstico terceirizado, o que rendeu 60% do faturamento da empresa em 2010, ou 240 milhões de reais.

O COMEÇO DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

A prestação de serviços surgiu com a demanda crescente de laboratórios menores, em 1997. Até então, o Pardini crescia apenas com unidades próprias.Posteriormente, prestar serviços para terceiros se tornou a principal forma de financiar a própria expansão. “Na prestação de serviços para terceiros, não é necessário manter a estrutura para atendimento, que representa até 45% do custo de um laboratório”diz Gustavo Campana. Hoje, a empresa possui 120 representantes comerciais em todo o país.

NOVO CENTRO DE ANÁLISES

Em Novembro de 2010, o laboratório inaugurou um centro com 21000 metros quadrados na região metropolitana de Belo Horizonte, com capacidade para processar anualmente 36 milhões de amostras. Fornecedores como Beckman Coulter e Roche bancaram um terço dos 60 milhões de reais consumidos na obra, em troca de exclusividade de fornecimento até 2015. “Triplicamos nossa capacidade de atendimento.”diz Victor.

CONCORRÊNCIA

A DASA ingressou neste Mercado em 2005, com a compra do Álvaro. Hoje é a área de negócios da companhia que mais cresce, somando receitas estimadas em mais de 150 milhões de reais em 2010 – 30% a mais em relação ao ano anterior.

Segundo Pardini, para ganhar espaço, a DASA tem oferecido aos clientes pagamentos em até 150 dias, prazo três vezes maior que a média do setor e contratou 20 profissionais da área comercial do Pardini, num único dia.

FUTURO

De acordo com um executivo do setor: “Eles não têm mais tanto espaço para crescer na prestação de serviços e a DASA está investindo pesadamente na área”. Victor reconhece que não poderá continuar sozinho para sempre.”O sócio ideal seria um plano de saúde, que traria não só dinheiro, mas principalmente mais clientes para aumentar nosso negócio de processamento de amostras”, diz ele.

 

Fonte: Revista Exame, Edição 985, 09/02/11

Ótimo vídeo  do Novo Núcleo Técnico Operacional do Hermes Pardini:

Atenciosamente,

Fernando Cembranelli

Equipe EmpreenderSaúde

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta