Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Justiça tira prefeito de Uberaba por envolvimento em fraudes

Publicidade

O prefeito reeleito de Uberaba, em Minas Gerais, Anderson Adauto (PMDB) acaba de ser afastado da prefeitura e ter os bens bloqueados pela 3ª Vara Cívil.  Adauto, que também é réu no processo dos 40 do mensalão, está agora envolvido em ação que contesta o contrato do município com a empresa Home Care Medical para a gestão das farmácias e do almoxarifado da Secretaria da Saúde. A empresa está envolvida na Operação Parasita, deflagrada pela Polícia Civil de São Paulo.
Deixe o seu comentário sobre esta notícia
Tem mais informações sobre o tema? Então, clique
A justiça decretou ainda o seqüestro dos bens do secretário de Governo de Uberaba, João Franco Junior, da funcionária pública Vera Lúcia Silveira Abdalla, da Home Care e da offshore River Finance Co, que tem sede no Panamá e é uma das sócias da Home Care. Franco Junior e Vera também foram afastados dos cargos. 
Em nota à imprensa, o governo municipal disse estar “tranqüilo quanto a correção e lisura dos procedimentos relativos ao contrato [feito com a Home Care]”. Além disso, informou que “o Município tomará todas as providências cabíveis para a revogação da Liminar”. 
Confira a nota de esclarecimento do governo de Uberaba aqui.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta