HIS17 Já emitiu sua credencial gratuita para o HIS '17? Já são +1.800 profissionais! Clique aqui

Hospital universitário de PE é fiscalizado por técnicos da saúde e educação

Publicidade

O Hospital Oswaldo Cruz, vinculado à Universidade de Pernambuco e administrado pela Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia, é a primeira unidade universitária de saúde do país a ser fiscalizada pela parceria entre os técnicos do Ministério da Saúde e da Educação, de acordo com Agência Brasil. O objetivo do grupo de técnicos é verificar se a instituição vem cumprindo a função de Hospital Escola, formando médicos, oferecendo programas de residência e destinando leitos aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Caso o resultado da avaliação seja satisfatório, a unidade será habilitada com nova certificação, que vai assegurar a ampliação dos repasses de recursos federais.
Atualmente o hospital pernambucano passa por uma crise de abastecimento de medicamentos e carência de profissionais. De acordo com o médico Ricardo Coutinho, diretor-geral do hospital, a situação do Oswaldo Cruz, se agravou nas últimas semanas, devido ao aumento da demanda. O atual problema provocou a necessidade urgente de suprimentos farmacêuticos, nutricionais e do almoxarifado.
Coutinho explicou que foi preciso suspender serviços ambulatoriais e priorizar o atendimento só para paciente graves ou com câncer e AIDS. O diretor informou que a dívida da unidade hospitalar atualmente supera R$ 8 milhões, sem contar R$ 2,6 milhões de débitos acumulados com a Companhia de Saneamento do Estado, Compesa.
Uma decisão do juiz Antenor Soares, da 1ª Vara da Fazenda Pública, determinou que o governo de Pernambuco providencie em 72 horas, o reabastecimento do hospital, atendendo solicitação da Promotoria de Defesa de Saúde, do Ministério Público. O Hospital Universitário Oswaldo Cruz, que é referência em tratamento de câncer, doenças cardiovasculares e infecciosas, além de transplante de fígado, atende uma média de 2,8 mil pessoas por dia.

       
Publicidade

Deixe uma resposta