Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Hospital de Messejana oferece revascularização transmiocárdica

Publicidade

O Hospital de Messejana, localizado em Fortaleza, acaba de adquirir o CO2 TMR Heart Laser. Indicado para o tratamento de pacientes com angina severa, o procedimento de revascularização transmiocárdica com CO2 Laser começa a ser feito em setembro, após o II Workshop Brasileiro de Transplante Cardíaco, que acontece de 22 a 24 de setembro, em Fortaleza. O Messejana é o quinto hospital do país a adquirir o equipamento, que é utilizado com sucesso no InCor/SP, onde já foram realizados 60 procedimentos com o CO2 TMR Heart Laser, fabricado pela americana PLC System e comercializado exclusivamente pela Edwards Lifesciences.
A revascularização transmiocárdica com CO2 Laser promove uma melhora significante de pacientes com angina resistente ao tratamento com medicamentos e que apresentam contra-indicação aos tratamentos tradicionais, como a angioplastia e a revascularização do miocárdio (a ponte de safena é o método mais conhecido).
Pelo método, o cirurgião faz uma pequena incisão do lado esquerdo do peito para expor o coração. Depois, usando o laser de gás carbônico (CO2), ele faz uma série de microperfurações no ventrículo esquerdo. Os canais criados permitem que o sangue rico em oxigênio irrigue o coração.
Uma das explicações para a redução da angina é que o laser estimula o nascimento de novos vasos sangüíneos na parede do coração. Este processo é chamado de angiogênese. Os novos vasos levam mais sangue para o músculo do coração, tornando-o mais saudável. De acordo com o grau de angina (classificada de I até IV), o paciente pode recuperar-se ou ficar livre dos sintomas.
O CO2 laser pode ser utilizado como única terapia ou em associação com cirurgias de ponte de safena. De acordo com Dr. Juan Mejia, cirurgião cardiovascular do Hospital de Messejana, as áreas sem acesso para a ponte são tratadas com o CO2 Laser, permitindo que o paciente tenha uma revascularização completa. Esta associação de métodos, CO2 Laser e cirurgia de revascularização, acarreta em um resultado superior em termos de melhora dos sintomas e qualidade de vida.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta