Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Genzyme e a busca de John Crowley para salvar seus filhos [Vídeo]

Publicidade

A farmacêutica francesa Sanofi-Aventis SA concordou em comprar a Genzyme Corp., em uma transação em dinheiro avaliada em US$ 20,1 bilhões pela companhia americana de biotecnologia, encerrando meses de discussões empresariais.

A Sanofi-Aventis disse ontem que também concordou em fazer pagamentos adicionais em dinheiro aos acionistas da Genzyme de acordo com o sucesso no desempenho de diversos medicamentos da companhia sediada em Cambridge, no Estado de Massachusetts.

O anúncio ocorreu depois de quase nove meses de idas e vindas entre as duas companhias, com a Sanofi-Aventis finalmente decidindo que o portfólio da Genzyme de tratamentos para doenças raras poderia valer um adicional de US$ 5 por ação, acima de sua oferta inicial de US$ 69 por papel. Além de ser especializada em doenças raras, a Genzyme atua na área de nefrologia, hematologia e oncologia.

Os conselhos de ambas as empresas aprovaram por unanimidade a negociação, que deve ser concretizada no início do segundo trimestre, informou a Sanofi-Aventis em comunicado.

Em outubro do ano passado, o diretor-executivo da Sanofi-Aventis, Chris Viehbacher, apresentou uma oferta hostil pela Genzyme, diante da dura resistência do fundador e diretor-executivo da Genzyme, Henri Termeer. Desde então, os dois lados suavizaram suas posições e a Genzyme abriu seus livros contábeis para avaliação da Sanofi-Aventis no início deste mês, sinalizando que uma negociação estava próxima.

O acordo fechado “vai criar uma nova plataforma significativa de crescimento para a Sanofi-Aventis, enquanto expandimos nossa presença na área de tecnologia”, declarou Viehbacher em comunicado.

Com a aquisição, Henri Termeer deixará o cargo de presidente do conselho e diretor-executivo da Genzyme, mas vai manter seu papel de consultoria como copresidente de um comitê de integração ao lado de Viehbacher.

Fonte: Jornal Valor Econômico, 17/02/2011

JOHN CROWLEY – A LUTA PARA A BIOTECNOLOGIA SALVAR SEUS FILHOS

John Crowley se formou em direito pela Universidade Notre Dame, em 1992, recebendo um MBA da Harvard Business School em 1997.

Em 1998, dois dos filhos de Crowley, Megan e Patrick, foram diagnosticados com uma grave doença neuromuscular, uma doença de armazenamento do glicogênio II, também chamada de doença de Pompe. Em face da saúde das crianças se deteriorando, a família mudou-se para Princeton Township, Nova Jersey, para estar perto de médicos especializados na doença Crowley trabalhou na Bristol-Myers Squibb, onde atuou em diversos cargos de gestão. Frustrado com o lento ritmo de pesquisas sobre a doença de Pompe, Crowley deixou Bristol-Myers Squibb em Março de 2000, e assumiu uma posição como CEO da Novazyme, uma empresa de pesquisa de biotecnologia localizadas em Oklahoma City, que estava conduzindo a investigação sobre um novo tratamento experimental para a doença

Crowley mais tarde descreveu a si mesmo em um perfil de revista como “muito mais adequado à experiência empreendedora. Assim, em 2001, a Novazyme foi adquirida pela Genzyme Corporation, empresa mundial de biotecnologia sob a iniciativa de Crowley. Sob esses auspícios, o trabalho do Dr. William Canfield, eventualmente, deu frutos e em janeiro de 2003, Megan e Patrick Crowley receberam a terapia de reposição enzimática para doença de Pompe desenvolvida pela Genzyme. John Crowley credita o ensaio experimental por salvar vidas de seus filhos. Porém, as crianças ainda estão em respiradores. A aquisição de Novazyme pela Genzyme, e a luta de Crowley para curar a doença de Pompe, foi documentada na Harvard Business School Estudo de Caso, Novazyme:. amor de um pai

Crowley se tornou presidente e CEO da Orexigen Therapeutics, em 2003. Em janeiro de 2005, foi nomeado Presidente e CEO da Amicus Therapeutics, com base em Cranbury, New Jersey.

A história da luta da família Crowley para salvar seus filhos está no livro: The Cure: How a Father Raised $100 Million – And Bucked the Medical Establishment – In a Quest to Save His Children” e no filme “Medidas Extraordinárias”, com Harrison Ford, lançado no Brasil, em 2010.

Fonte: Wikipedia

Foto: Lançamento do Filme “Extraordinary Measures”

Trailer do Filme Extraordinary Measures:

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta