Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

França retira do mercado silicone usado por 30 mil mulheres

Publicidade

França retira do mercado silicone usado por 30 mil mulheres

da EFE

As autoridades francesas retiraram do mercado implantes mamários considerados defeituosos e convocaram cerca de 30 mil mulheres que os utilizam, no país e no exterior, para exames médicos.

O jornal “Le Parisien” informou que a Promotoria de Marselha abriu no último dia 23 uma investigação preliminar contra um suposto culpado cujo nome não foi divulgado por “engano” e “colocação da vida alheia em perigo” em relação com os riscos dos implantes da PIP (Poly Implant Prothese), que podem arrebentar com mais frequência que os demais.

Segundo o periódico, o gel de silicone utilizado pela empresa, sediada na região de Toulon, no sul da França, não tinha sido autorizado pelas autoridades francesas, o que foi descoberto após uma inspeção.

A PIP, empresa criada em 1991, era o quarto fabricante mundial de implantes mamários e atravessava dificuldades financeiras há vários meses, uma situação que se agravou com este escândalo e que lhe levou à liquidação judicial, anunciada na terça-feira (30) pelo Tribunal de Comércio de Toulon.

A Agência de Segurança Sanitária de Produtos de Saúde da França lançou um alerta em toda Europa e nos Estados Unidos para advertir sobre os possíveis riscos dos implantes e aconselha consultas com o cirurgião para exames devido ao risco de rompimento.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta