Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

FMUSP apresenta sala de aula do futuro

Publicidade

Como parte das comemorações do dia do médico, a Faculdade de Medicina da USP está apresentando a Sala de Aula Interativa do Futuro. Trata-se de um conjunto de soluções tecnológicas que permitem a integração de ferramentas para auxiliar no aprendizado. Na prática, os alunos poderão utilizar recursos como computadores, notebooks, handhelds e tablets PCs para acompanhar as aulas, o que permite o aumento de interatividade entre professor e aluno e agilidade na obtenção de informações. Isso ocorre porque todas as informações apresentadas durante a aula (vídeos, slides, anotações do professor, perguntas feitas por chat, documentos de texto) podem ser acessadas, em tempo real, por meio do computador de cada aluno. ?A sala de aula do futuro não apresenta fronteira física. O aluno só precisa de um computador e de um link de 150 Kbps de acesso à internet?, afirma Dr Chao Lung Wen, coordenador da disciplina de telemedicina da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

De acordo com ele, o aluno poderá assistir ao conteúdo da aula a partir de um ponto remoto em tempo real ou posteriormente, uma vez que todo conteúdo é gravado. Com isso, os estudantes têm liberdade para prestar atenção no conteúdo sem a preocupação de fazer anotações. O modelo possibilita a comunicação com outras universidades, além da transmissão de procedimentos clínicos e cirúrgicos, utilizando videoconferência. As imagens dos pontos remotos chegam para cada aluno via streaming. ?Isso possibilita a difusão do conhecimento?, destaca Wen.
O especialista conta que a Sala de Aula do Futuro estará disponível para todos os alunos e corpo clínico do HC-FMUSP a partir de novembro. ?Nessa primeira fase iremos conectar o complexo Hospital das Clínicas. Para isso, investimos R$ 250 mil na compra de computadores, servidores, tablets PCs e na configuração das máquinas?, relata Wen, comentando que a Microsoft, parceira da faculdade em diversas iniciativas, está fornecendo o software Conference XP.
Integrante do Projeto de Restauro e Modernização da Faculdade de Medicina da USP, a Sala de Aula Interativa do Futuro é baseada na estrutura dos CETECs – Centros de Tecnologia existentes na FMUSP e no Instituto Central do Hospital das Clínicas. Os CETECs agregam recursos de videoconferência, internet 2 e radiofreqüência de alta velocidade.
No dia do médico, a faculdade também comemorou a conclusão de mais três obras do Projeto de Restauro e Modernização, com a reabertura do Teatro, que foi totalmente remodelado; a entrega da restauração do Hall Central e a inauguração do edifício de áreas técnicas, que comandará os novos sistemas de hidráulica, elétrica, climatização, telemática e automação predial.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta

FMUSP apresenta sala de aula do futuro

Publicidade

Como parte das comemorações do dia do médico, a Faculdade de Medicina da USP está apresentando a Sala de Aula Interativa do Futuro. Trata-se de um conjunto de soluções tecnológicas que permitem a integração de ferramentas para auxiliar no aprendizado. Na prática, os alunos poderão utilizar recursos como computadores, notebooks, handhelds e tablets PCs para acompanhar as aulas, o que permite o aumento de interatividade entre professor e aluno e agilidade na obtenção de informações. Isso ocorre porque todas as informações apresentadas durante a aula (vídeos, slides, anotações do professor, perguntas feitas por chat, documentos de texto) podem ser acessadas, em tempo real, por meio do computador de cada aluno. ?A sala de aula do futuro não apresenta fronteira física. O aluno só precisa de um computador e de um link de 150 Kbps de acesso à internet?, afirma Dr Chao Lung Wen, coordenador da disciplina de telemedicina da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

De acordo com ele, o aluno poderá assistir ao conteúdo da aula a partir de um ponto remoto em tempo real ou posteriormente, uma vez que todo conteúdo é gravado. Com isso, os estudantes têm liberdade para prestar atenção no conteúdo sem a preocupação de fazer anotações. O modelo possibilita a comunicação com outras universidades, além da transmissão de procedimentos clínicos e cirúrgicos, utilizando videoconferência. As imagens dos pontos remotos chegam para cada aluno via streaming. ?Isso possibilita a difusão do conhecimento?, destaca Wen.
O especialista conta que a Sala de Aula do Futuro estará disponível para todos os alunos e corpo clínico do HC-FMUSP a partir de novembro. ?Nessa primeira fase iremos conectar o complexo Hospital das Clínicas. Para isso, investimos R$ 250 mil na compra de computadores, servidores, tablets PCs e na configuração das máquinas?, relata Wen, comentando que a Microsoft, parceira da faculdade em diversas iniciativas, está fornecendo o software Conference XP.
Integrante do Projeto de Restauro e Modernização da Faculdade de Medicina da USP, a Sala de Aula Interativa do Futuro é baseada na estrutura dos CETECs – Centros de Tecnologia existentes na FMUSP e no Instituto Central do Hospital das Clínicas. Os CETECs agregam recursos de videoconferência, internet 2 e radiofreqüência de alta velocidade.
No dia do médico, a faculdade também comemorou a conclusão de mais três obras do Projeto de Restauro e Modernização, com a reabertura do Teatro, que foi totalmente remodelado; a entrega da restauração do Hall Central e a inauguração do edifício de áreas técnicas, que comandará os novos sistemas de hidráulica, elétrica, climatização, telemática e automação predial.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta