Semana da Saúde 2017 Semana da Saúde: discuta os principais assuntos de Tecnologia da Informação em 10 Webinars. Reserve seu lugar! Clique aqui

Estado de São Paulo registra redução na mortalidade infantil

Publicidade

Melhor nutrição, expansão do saneamento básico e campanhas de vacinação. Esses são os principais fatores que levaram à redução do índice de mortalidade infantil, que desde 1995 tem caído drasticamente no Estado de São Paulo e ficou abaixo de 15 em 2003, transformando-se na menor marca da história. Em comparação a outros anos o balanço da Secretaria de Estado da Saúde é animador. Em 1995 o índice de mortalidade infantil no Estado era 24. Em 2000 passou para 17. Em 2002 foi de 15,04. E a expectativa para os próximos anos é que os índices de mortalidade infantil continuem caindo.
A redução da mortalidade infantil tem acontecido em todas as regiões do Estado. A com melhor índice em 2003 foi Ribeirão Preto, com 10,6. Apenas a área da Baixada Santista registrou mortalidade infantil acima de 20, com 20,4, mas também demonstrando uma queda acentuada – em 1995 o índice era de 33,7.
As outras regiões que estão com os mais baixos índices do Estado são Araraquara, com 11,1, São José do Rio Preto, com 12,8. A região de Osasco é a melhor da Grande São Paulo, com 13,8. A Capital ficou com 14,2. Franco da Rocha é a com maior índice nesta área, com 19,8.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta