Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Empresas brasileiras de saúde pretendem alcançar R$ 2,4 bi com IPOs

Publicidade

Empresas brasileiras de healthcare planejam faturar R$2,4 bilhões em abertura de capital no mês de junho, fazendo com que haja um aumento de salários e queda no nível de desemprego, na maior economia da América Latina.

A corretora de seguro de saúde Qualicorp SA e seus acionistas pretendem faturar R$ 1,86 bilhões. A Brasil Pharma, unidade de farmácias do Banco BTG Pactual SA pretende estima faturar R$ 519 milhões, de acordo com informação divulgada nesta quarta-feira, (08) no jornal Valor Econômico.

Em meio a uma crescente inflação as IPOs brasileiras alcançaram R$ 4,45 bilhões este ano. Esse valor está abaixo dos R$ 6,83 bilhões alcançados no mesmo período do ano passado, de acordo com os dados compilados pela Bloomberg.

A corretora XP Investimentos CCTVM SA está planejando uma abertura de capital até o primeiro semestre de 2012. Separadamente, o fundo de pensão da Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil pretende alcançar R$1,5 bilhões com a venda de ações de infra-estrutura e investimentos de holding.

A Qualicorp e seus titulares podem vender até R$98 milhões em ações, incluindo possíveis ofertas complementares. Já a Brasil Pharma estima vender um total de R$ 27 milhões em ações, preços de 22 de junho iriam de R$ 16,25 para R$ 19,25 cada.

O Bank of América Corp, unidade local, está coordenando a venda da Qualicorp com o Credit Suisse Group AG Goldman Sachs Group Inc. e Banco Bradesco BBI SA. BTG Pactual está coordenando a Brazil Pharma’s com a Morgan Stanley e Bradesco BBI.

Fonte: Saúde Business Web

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta