HIS17 Já emitiu sua credencial gratuita para o HIS '17? Já são +1.800 profissionais! Clique aqui

Educação cardiovascular será ampliada com Acordo de Cooperação assinado entre SBC e Governo de SP

Publicidade

Representantes da Sociedade Brasileira de Cardiologia – SBC foram recebidos, ontem, 08 de agosto, pelo governador Geraldo Alckmin, no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. Eles firmaram um Acordo de Cooperação entre a SBC e o Governo do Estado voltado para a educação cardiovascular. “A amplitude deste convênio será enorme e poderá ser replicada para outros estados”, afirma o presidente da SBC, Marcus Bolívar Malachias.

O Acordo de Cooperação promoverá uma série de ações, como um maior conhecimento da prevenção de doenças cardiovasculares em crianças e adolescentes para que eles possam exercer um papel transformador em suas casas e na comunidade; promoverá treinamento em ressuscitação cardíaca para os alunos; dará apoio as atividades que incentivem uma alimentação saudável não escolar, ou seja, aquela que acontece em casa e nas cantinas, entre outras. “Precisamos levar conhecimento sobre os fatores de risco para os jovens. Será muito mais produtivo conscientizar crianças e adolescentes do que no futuro tentar modificar os hábitos ruins que eles terão”, defende o coordenador do SBC vai à Escola,José Francisco Kerr Saraiva.

Para Saraiva, a partir de agora, do ponto de vista prático, grupos de trabalhos vão ser estruturados, formados por integrantes da SBC e da Secretaria de Educação do Estado, para definir as atividades. “Haverá uma descentralização para capilarizar o SBC vai à Escola e cada unidade escolar definirá, dentro do escopo do projeto, as ações que poderá realizar”, completa Saraiva.

Em 2013, foi assinado um decreto também pelo governador Alckmin que instituiu o programa de alimentação saudável nas escolas paulistas. “A partir do decreto, a SBC passou a ter uma relação com a Secretaria de Educação e, assim, a necessidade de desenvolvimento de várias frentes dos programas de prevenção e da celebração de um acordo de cooperação, lembra o coordenador do SBC vai à Escola, José Francisco Kerr Saraiva. Ele estava na audiência com o governador, acompanhado dos presidentes da SBC, Marcus Malachias, da Sociedade de Cardiologia de São Paulo, Ibraim Pinto, do diretor de Comunicação, Celso Amodeo e das integrantes do SBC vai à Escola, Carla Lantieri, Tânia Martinez e Ieda Jatene.

       
Publicidade

Deixe uma resposta