Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Dia Nacional de Prevenção de Arritmias e Morte Súbita

Publicidade

Sugestão de pauta:

Dia Nacional de Prevenção de Arritmias e Morte Súbita

A morte súbita representa 50% do total de óbitos por causas cardiovasculares

A falta de ritmo nos batimentos do coração – arritmia cardíaca – e os casos cada vez mais freqüentes de morte súbita – a que ocorre sem ser esperada, tanto em pessoas doentes, como sadias, e sem que haja tempo de ser socorrida são problemas que ainda desafiam a comunidade médica. Embora comuns e preocupantes, ainda são ignoradas por grande parte da população. Para chamar a atenção sobre estas importantes questões relacionadas ao coração, o Hospital Cardiológico Costantini promove uma ação em conjunto com o Laboratório de Eletrofisiologia de Curitiba e com apoio da Sociedade Paranaense de Cardiologia e Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas. No dia 12 de novembro, quando comemora-se Dia Nacional de Prevenção de Arritmias e Morte Súbita, voluntários das duas entidades vão lembrar a data com informações à população, demonstrações de reanimação e de como agir no caso de uma emergência cardiológica, e ainda, realizar aferição da pressão arterial, das 9 horas às 17 horas, na Boca Maldita, no centro de Curitiba.

Estatísticas servem de alerta

A Morte Súbita corresponde a aproximadamente 50% de todas as mortes de causa cardiovascular no mundo. No Brasil, não existem estatísticas seguras e específicas sobre o tema e, portanto, é difícil fazer previsões. Mesmo assim, é possível estimar que o número de vítimas no País é grande. A

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta