5º CONAHP debaterá “O Hospital do Futuro: O Futuro dos Hospitais”. Faça já sua inscrição → Clique aqui

Desfibriladores serão obrigatórios em aviões dos EUA

Publicidade

Nova norma da Federal Aviation Administration que entrou em vigor ontem obriga os aviões comercias dos Estados Unidos a contar com um equipamento cardíaco a bordo para ajudar passageiros que sofram um ataque do coração. A norma atinge cerca de 2,6 mil empresas aéreas. Aviões com pelo menos um atendente de vôo já são obrigados a portar o aparalho, conhecido como desfibrilador automático externo. Alguns já carregam o equipamento. Em 1998, um homem de Boston tornou-se a primeira pessoa, num vôo doméstico, a ter a vida salva por um desfibrilador.
Segundo a FAA houve 119 acometimentos cardíacos a bordo, resultando em 64 mortes, entre 1º de julho de 1998 e 30 de junho de 1999. Nesse período, os desfibriladores foram usados 17 vezes, salvando quatro vidas.
A cada ano, cerca de 250 mil americanos morrem de problemas cardíacos. Cerca de 20%, em lugares públicos e 95%, antes de chegar ao hospital.

       
Publicidade

Deixe uma resposta