Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Cruz Vermelha terá repasse de 0,15% de loterias

Publicidade

A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou o Projeto de Lei 2978/08, do Senado, que repassa à Cruz Vermelha Brasileira 0,15% da arrecadação total dos concursos de loterias federais.
A relatora do projeto na comissão, deputada Angela Portela (PT-RR), chegou a sugerir em substitutivo uma nova extração da loteria federal com o fim específico de levantar recursos para a entidade humanitária. Segundo ela, o repasse de uma fatia – ainda que pequena – dos prêmios à Cruz Vermelha, previsto no projeto, desestimularia as apostas e poderia prejudicar o desempenho financeiro das loterias.
A deputada, porém, mudou de ideia diante da insistência do deputado Paulo César (PR-RJ) e concordou em manter o texto do Senado. “O percentual que será deduzido do prêmio, 0,15% do total arrecadado, é muito reduzido para desestimular o apostador”, argumentou Paulo César.
A legislação em vigor já destina a renda líquida de um concurso de loteria esportiva por ano à Cruz Vermelha Brasileira, mas o autor do projeto, senador Marcelo Crivella, afirma que a arrecadação é muito baixa.
A Cruz Vermelha do Brasil é sediada no Rio de Janeiro e tem ramificações em 15 estados e 35 municípios brasileiros. A entidade atua principalmente no socorro a vítimas de guerras e calamidades e em programas de prevenção de doenças.
Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, ainda será analisado pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).
Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta