Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Crescimento econômico impulsiona consultorias em 2011

Publicidade

A expectativa aumenta entre as empresas indicadas ao prêmio Top Hospitalar 2010 e na categoria melhor consultoria não poderia ser diferente. IQG, Planisa e Pró-Saúe foram as empresas escolhidas pelo setor para formar a lista tríplice das finalistas.

e receba os destaques em sua caixa de e-mail.

“Ficamos muito contentes ao saber que fomos uma das indicadas. O Top Hospitalar traz muita credibilidade e esse reconhecimento do setor é muito significativo para nós”, afirma o CEO do IQG, Rubens Covelo.

Tendo em vista uma maior preocupação das instituições de saúde nas acreditações, o IQG tem focado suas atividades cada vez mais na segurança do paciente e qualidade assistencial. De acordo com Covelo, atualmente o segmento de saúde é o segundo maior mercado do mundo e impacta diretamente na qualidade de vida da população.

O executivo acredita que dentro de três anos existira um novo modelo de mercado, mais seguro e com maior qualidade. “No Canadá, cerca de 95% das instituições de saúde possuem alguma certificação. No Brasil este movimento tem ganhado força e está seguindo a mesma tendência”, conclui.

Considerado uma marca bem conhecida em todo o setor de saúde a indicação ao prêmio também foi muito bem recebida pela Planisa. “Para nós este reconhecimento aumenta nossa responsabilidade junto ao mercado”, acrescenta o diretor da empresa, Afonso Matos.

Segundo o diretor da Planisa, o segmento de consultoria em saúde tem evoluído muito no Brasil nos últimos anos e hoje já é uma atividade bem aceita pelas instituições de saúde que mostram, cada vez mais, uma preocupação com a profissionalização de suas atividades.

“Este mercado tem crescido graças à maturidade do setor e do crescimento econômico do País. Vejo um mercado cada dia mais consolidado e buscando uma sustentabilidade em longo prazo”, complementa Matos.

Para a Planisa, as expectativas de mercado são extremamente favoráveis em 2011 e a empresa um crescimento 30% superior em relação a 2010. “Sentimos que cada dia surge um interesse maior dos hospitais pelas consultorias. Este ano notamos uma procura muito grande por parte de operadoras e hospitais na área de modelos de remuneração e isso irá repercutir positivamente no mercado nos próximos aos”, conclui Matos.

Igualmente satisfeita com a indicação, a Pró-Saúde considera a indicação um grande incentivo para toda sua equipe. “É muito lisonjeiro ser indicado mais um ano ao Top Hospitalar, este reconhecimento é muito gratificante para todos nós”, afirma o presidente da Pró-Saúde, Paulo Roberto Mergulhão.

A empresa tem voltado seus esforços para a assistência hospitalar pública por meio de organizações sociais. Segundo Mergulhão, a Pró-Saúde vê no setor público um grande potencial devido aos fortes investimentos municipais, estaduais e federais na profissionalização da saúde. “Estamos caminhando fortemente para um sistema de saúde sustentável, por isso temos focado parte de nossos esforços na área de saúde ambiental para adquirirmos experiência e assim desenvolvermos um novo produto para o mercado”.

Tendo como parte de sua missão o bem estar social, a Pró-Saúde passou a administrar um hospital com mais de cem leitos em Guajará Mirim, em Rondônia, fronteira entre Brasil e Bolívia. De acordo com Mergulhão, a gestão do hospital filantrópico foi cedida pela igreja católica, antiga administradora da instituição que possui um atendimento totalmente destinado aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/#!/sb_web e fique por dentro das principais notícias de Saúde.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta