Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

CPI dos medicamentos deve iniciar atividades

Publicidade

Autor do requerimento que criou a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que irá investigar a falsificação de remédios e equipamentos médicos, o senador Romeu Tuma (PTB-SP) pediu que os líderes partidários indiquem seus representantes na comissão para que ela possa ser instalada e iniciar suas atividades. Ao defender a investigação a ser feita pela CPI, ele citou notícia publicada nesta terça-feira (8) pelo jornal o Estado de S. Paulo: “País registra recorde de apreensão de medicamentos falsificados”.
Segundo o Estado de S. Paulo, “somente no primeiro semestre, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a Polícia Federal recolheram 316 toneladas desses medicamentos; no ano passado, foram 45,5 toneladas”. O jornal também afirma que “a comercialização, que era feita por camelôs e via internet, agora também está migrando para farmácias e drogarias”.
– Foi montada uma estrutura sofisticada para adulteração de remédios em larga escala – alertou Tuma, acrescentando que “até o óbito muitas vezes ocorre devido à ingestão de medicamentos falsificados”.
Os senadores Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) e Wellington Salgado (PMDB-MG) manifestaram apoio à CPI. Wellington disse ainda que gostaria de ser o relator da comissão e que já manifestou esse desejo ao seu partido.
Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/SB_Web e fique por dentro das principais notícias do setor.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta