✉️ NEWSLETTER Assine gratuitamente e atualize-se semanalmente Assinar

Contratação de emergência é recorrente na saúde baiana

Publicidade

A Bahia não abre concursos públicos para o setor de saúde há mais de 15 anos. A solução encontrada para suprir as necessidades do sistema público de saúde é a contratação emergencial de profissionais, por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (REDA) e o recrutamento de pessoas jurídicas.
Neste ano de 2008, a saúde pública pretende quebrar esse paradigma e prevê um concurso público para quatro mil vagas. No entanto, a classe médica ainda reivindica um salário-base de R$ 3.481,76 para 20 horas semanais.
A insatisfação do salário é observada pelo desinteresse a carreira pública. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, com o Credenciamento Emergencial, há um número menor de profissionais interessados em relação ao número de postos de trabalho disponível.

       
Publicidade

Deixe uma resposta