Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Congresso aborda gestão hospitalar

Publicidade

A experiência do Laboratório Central de Análises Clínicas, da Santa Casa de Porto Alegre (RS), que obteve resultados excelentes com a aplicação do modelo de gestão do PNQ, da Fundação para o Prêmio Nacional da Qualidade, será o destaque do Congresso pela Excelência na Saúde, que acontece amanhã, terça-feira, das 8h00 às 12h00, no Centro de Convenções Rebouças (av.Rebouças, 600), em São Paulo. O congresso, que reúne mais de uma centena de especialistas em gestão de hospitais, tem o objetivo de expor as estratégias, as práticas e os processos de administração que organizações ligadas à saúde devem adotar se quiserem estar entre as melhores do setor. Como exemplo, serão apresentados todos os detalhes da gestão da Santa Casa de Porto Alegre (RS), ganhadora do Prêmio Nacional da Qualidade 2002, na categoria organização sem fins lucrativos, e que introduziu um novo paradigma no serviço hospitalar brasileiro.
Fundada em 1803, a Santa Casa é um complexo hospitalar privado composto por sete hospitais de várias especialidades, entre os quais está o Hospital Dom Vicente Scherer, especializado em transplantes de órgãos e tecidos, com 62 leitos. Cerca de 70% de todos os serviços da Santa Casa são realizados pelo SUS, e apenas 30% dos pacientes são privados ou de convênios.
A meta da Fundação para o Prêmio Nacional da Qualidade, ao realizar o Congresso, é enfatizar os benefícios na utilização do modelo de gestão do PNQ e difundir os fundamentos e critérios de excelência e as suas aplicações, segundo a superintendente da Fundação, Ana Maria Rutta. O PNQ, outorgado anualmente pela FPNQ para organizações de todos os tipos que se submetem a uma avaliação com enfoque no desempenho da gestão. É um dos mais importante reconhecimentos à Excelência em Gestão do País, indicando as instituições de Classe Mundial e, portanto, referência em seu segmento de atuação.
A FPNQ, entidade sem fins lucrativos, desde sua criação, em 1991, já conduziu 12 ciclos de premiação do PNQ, cujo objetivo é promover amplo entendimento dos requisitos para se alcançar a excelência do desempenho, ou seja, a melhoria da competitividade das organizações.
Em 2003, foram candidatas ao PNQ 22 organizações de todo o País, sendo premiadas as organizações Dana Albarus – Divisão de Cardans (Gravataí), e Escritório de Engenharia Joal Teitelbaum, ambas do Rio Grande do Sul, e finalistas a Polibrasil S/A e a Dana Indústrias – Divisão de Eixos Diferenciais (Sorocaba), ambas de São Paulo; o Sebrae de Mato Grosso do Sul, e o Sesi da Bahia.
Mais informações sobre o Congresso pela Excelência na Saúde podem ser obtidas no site www.fpnq.org.br

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta