Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Conexão Médica transmite programação de gastroenterologia

Publicidade

A IP TV Conexão Médica apresenta no próximo dia 27 de setembro, quarta-feira, das 9h às 13h, o curso nacional a distância em Gastroenterologia da NetGastro, com o tema Doença de Refluxo Gastroesofágico ? Esôfago de Barret. A transmissão será ao vivo para todas as instituições assinantes no Brasil. Participarão do curso diversos especialistas que abordarão aspectos importantes da doença de refluxo gastroesofágico, como condutas clínicas, Esôfago de Barret, o papel do endoscopista, tratamento cirúrgico, entre outros. A doença de refluxo gastroesofágico é uma afecção freqüente na população e que se manifesta muitas vezes na forma de pirose, popularmente conhecida como azia. De acordo com o Dr. Henrique Walter Pinotti, professor de Cirurgia do Aparelho Digestivo da Faculdade de Medicina da USP e diretor-presidente da NetGastro, “admite-se que cerca de 25% das pessoas apresentam pirose, que se caracteriza por uma sensação de queimação na parte alta do abdômen ou na parte inferior da parede anterior do tórax, correspondendo à área de projeção do coração. Sua ocorrência pode ser devido a problemas congênitos da transição do esôfago com o estômago ou em conseqüência da hérnia do hiato”.
Os sintomas da doença de refluxo gastroesofágico são deflagrados por comida gordurosa, alimentos concentrados em açúcar, chocolate, café e bebidas alcoólicas e podem piorar quando a pessoa deita ou quando faz determinados tipos de esforços, como, por exemplo, calçar sapatos. Segundo Dr. Pinotti, “o ácido que reflui do estômago para o esôfago, dependendo da intensidade ou da sua persistência, determina lesões importantes na mucosa do esôfago. O tratamento clínico consiste, basicamente, no emprego de dietas excluindo os alimentos excitantes já referidos e de assumir o decúbito noturno elevado”.
Há produtos e medicamentos destinados à diminuição da secreção de ácido e pepsina do estômago, chamados de inibidores de H2 ou bomba de prótons, que aumentam a eficácia do tratamento clínico. No entanto, cerca de 10% dos pacientes que se utilizam desses recursos não obtém resultado e por isso são submetidos a tratamento cirúrgico.
“Hoje, pela cirurgia Laparoscópica ? técnica minimamente invasiva que evita os inconvenientes das incisões ? é possível um menor período de internação e reintegração às atividades de maneira rápida”, explica Dr. Pinotti.
Dentre os assuntos a serem discutidos, destaca-se a doença de refluxo gastroesofágico designada Esôfago de Barret. É um tipo de esofagite na qual o ácido do estômago reflui, juntamente com a bílis do duodeno, provocando lesões da mucosa do esôfago. “Freqüentemente, essa situação é irreversível com tendência a se transformar em um câncer. Essa esofagite vem preocupando a comunidade médica e merece atenção clínica constante. Daí a importância de se discutir a questão durante o curso da NetGastro”, ressalta Dr. Pinotti.
Programação
09:00h – 09:10h: Abertura do Curso
Prof. Dr. Henrique Walter Pinotti
09:10h – 09:35h: Nutrição enteral no pré e pós-operatório da obstrução esofágica .
Dra. Yara Carnevalli Baxter
09:35h ? 10:00h: Conduta clinica na D.R.G.E e no esôfago de Barrett
Prof.Dr.Ernani Geraldo Rolim
10:00h – 10:25h: Esôfago de Barrett ? Caracterização anátomo patológica e potencial de malignização.
Dr. Filadelfo Venco
10:25h – 10:45h: Interação 1
10:45h – 10:55h: Intervalo
10:55h – 11:20h: Papel do endoscopista na D.R.G.E. e no Barrett
Dr. Márcio Matheus Tolentino
11:20h – 11:45h: Tratamento cirúrgico da D.R.G.E. ? Princípios técnicos
Como evitar seqüelas.
Prof. Dr. Delta Madureira
11:45h – 12:10h: Comportamento do esôfago de Barrett após operação anti-refluxo.
Dr. Richard Gurski
12:10h – 12:20h: Interação 2
12:20h – 12:45h: Barrett e câncer da cárdia ? tratamento cirúrgico
Prof.Dr. Henrique Walter Pinotti
12:45h – 13:00h: Vídeo Comentado

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta