Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Comissão define proposta sobre anuidade de 2012

Publicidade

A comissão integrada pelos diretores tesoureiros dos conselhos regionais de 8 estados se reuniu nesta quarta-feira (18), no Conselho Federal de Medicina (CFM), para discutir o índice a ser proposto para atualização do valor da anuidade cobrada pelos conselhos em 2012. O grupo decidiu por uma variação de 7,64%, que aplicada ao valor da anuidade cobrada em 2011, resultou em um valor de R$ 523,00.

 

 

A nova anuidade será proposta na próxima reunião do Pleno Nacional, integrada pelos conselheiros federais e presidentes dos regionais, sem data prevista. De acordo com o tesoureiro do CFM, Hiran da Silva Gallo, o índice sugerido pelos tesoureiros dos regionais será a média dos indicadores econômicos Índice de Preços ao Consumidor (IPC); Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM); Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e Índice do Custo de Vida (ICV), de junho de 2010 a maio deste ano.

A comissão irá propor ainda a manutenção de vantagens aos médicos para facilitar o pagamento, a exemplo da resolução que fixou os valores das anuidades e taxas cobradas pelos conselhos neste ano. Entre os direitos a serem defendidos estão a opção de parcelamento da anuidade e a isenção aos médicos que completarem 70 anos de idade, em 2012, independentemente do mês de aniversário.

Segundo Hiran Gallo, houve consenso na proposta a ser apresentada. “Tudo foi aprovado por unanimidade. Não teve nenhuma votação!”, relata o tesoureiro do Federal. A Comissão de Tesoureiros é integrada pelos representantes do Acre, Bahia, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo, estados que têm maior arrecadação.

 

 Você tem Twitter? Então, siga http://twitter.com/#!/sb_web e fique por dentro das principais notícias de Saúde.

 

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta