HIS17 Já emitiu sua credencial gratuita para o HIS '17? Já são +1.800 profissionais! Clique aqui

Cloud revoluciona a saúde com IoT e Big Data

Publicidade

Nos dias 4 e 5 de outubro, durante o Philips Connect Day 2017, no Espaço Rebouças, em São Paulo, líderes da indústria e executivos de organizações de saúde de todo o país poderão debater as inovações tecnológicas e suas aplicabilidades em diversas áreas de Healthcare.

A computação em nuvem tem avançado exponencialmente na última década, transformando a dinâmica de diversos serviços e indústrias, entre elas a indústria de Saúde. De acordo com um levantamento da Business Insider, é um mercado global avaliado em US$ 8,7 trilhões e uma das maiores promessas de investimento em TI nos próximos anos.

Atualmente, um dos grandes desafios enfrentados pela área da saúde é a necessidade de armazenar, processar e analisar volumes cada vez maiores de dados médicos, imagens e estudos com as informações de cada paciente. Esse cruzamento de dados na nuvem, especialmente quando tratamos de análises em tempo real, torna possível monitorar pacientes fora dos consultórios, acompanhados em tempo real no conforto de casa. Além disso, permitiu escalar novos recordes em velocidade e assertividade de diagnósticos e prevenção de doenças.

Além disso, muitas outras indústrias ligadas à Saúde também estão investindo em soluções de IoT e Big Data na nuvem, quebrando a fronteira das infraestruturas físicas para desenvolver serviços mais ágeis, baratos, acessíveis, personalizados e escaláveis.

A Philips, por exemplo, utiliza a Amazon Web Services (AWS) para processar na nuvem todos os dados que passam pela plataforma Philips Healthsuite, analisando mensalmente cerca de um petabyte de dados de 390 milhões de fontes em mais de 100 países. Atualmente já são 15 petabytes de dados. Por meio de 450 produtos e serviços da AWS para profissionais da área da saúde, o sistema da Philips já diagnosticou mais de 970 milhões de pessoas somente em mercados emergentes, além de monitorar a saúde de mais de um milhão de pacientes diretamente de suas casas.

Os mesmos benefícios podem ser estendidos aos órgãos do governo. O Departamento da Saúde e Serviços Humanos dos EUA, no lançamento do site Healthcare.gov, portal de acesso dos planos de seguro da Lei dos Cuidados Acessíveis (Affordable Care Act), teve como uma das maiores preocupações manter o site no ar. Por isso, confiou na escalabilidade da infraestrutura da AWS para manter o site estável mesmo com centenas de milhares acessando ao mesmo tempo. O mesmo departamento, depois, acrescentou mais três novas ferramentas ao Healthcare.gov baseadas na nuvem da AWS: um sistema de gerenciamento, uma ferramenta que compara os planos de seguros e outra que faz análises de elegibilidade dos clientes para os planos.

       
Publicidade

Deixe uma resposta