Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Central Nacional Unimed divulga balanço

Publicidade

A Central Nacional Unimed (CNU) fechou o ano de 2004 com faturamento de R$312,3 milhões e 369,7 mil usuários. No primeiro semestre de 2005, os ganhos foram de R$192,7 milhões, número 32,5% maior do que o registrado no mesmo período em 2004 (R$145,5 milhões). ?Nossa expectativa é fechar o ano com faturamento de R$402 milhões?, conta o presidente da CNU, Mohamad Akl. Para 2006, a empresa projeta crescimento de 15%. ?Em 2004, a expectativa era crescer 10% e alcançamos 23%?, revela.
Para reduzir custos e melhorar a qualidade de vida dos usuários, a CNU investirá em programas de medicina preventiva para seus clientes corporativos. A empresa continuará com as ações em estandes de eventos, com distribuições de materiais preventivos, palestras e peças.
O programa de gerenciamento de pacientes crônicos também será mantido. ?Os pacientes crônicos podem receber os equipamentos necessários para seu tratamento em casa e ser acompanhados por uma equipe multidisciplinar?.
A principal vantagem é a redução de custos. ?Para se ter uma idéia, um paciente com Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) custa R$28 mil quando tratado no hospital e R$6 mil quando tratado em casa?.
A Central também estimulará as unidades a construir hospitais próprios. ?Ofereceremos consultoria técnica e contribuiremos para que as unidades tomem essa iniciativa, como forma de conhecer o custo de seus usuários?, conclui Akl.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta