CDPI instala sistema para agilizar marcação de exames

Publicidade

A Clínica de Diagnóstico por Imagem (CDPI), do Rio de Janeiro, adquiriu o MultiMED, software de gestão da Tecso para melhorar o atendimento e processos administrativos. Entre outras vantagens o sistema agilizou rotinas que envolvem o cálculo de despesas relativas aos serviços prestados do centro de diagnóstico, envio de faturas para as empresas de seguro saúde e, igualmente, a gestão dos estoques dos diversos materiais empregados nos exames. O MultiMED integra os sistemas administrativos que rodam na retaguarda àqueles que apóiam o atendimento aos clientes. A implantação do sistema reduziu de três minutos para zero o tempo de espera na linha para a marcação de consultas.
Uma das facilidades com do software, é que o sistema informa assim que a telefonista digita o nome do paciente, se ela já esteve lá, que exames fez ou costuma fazer. Mas, mesmo que se trate de exame repetido periodicamente, quando o procedimento exige preparação, a operadora, especialmente treinada para isso, dá ao paciente todas as instruções necessárias.
Se ele fizer uma pergunta para a qual não haja resposta disponível no terminal, acionado, o sistema vai buscá-la no banco de dados Oracle. Isso é possível porque o MultiMED permite que se concentre numa mesma base as informações sobre os pacientes, venham elas de onde vierem: pelo call center, via telefone; fax; ou balcões de atendimento.
Instalado numa área de 1.400 metros quadrados, no Barra Shopping, na Barra da Tijuca, zona Oeste do Rio de Janeiro, a clinica de diagnóstico recebe mais de 16 mil pacientes por mês, distribuídos pelas quatro unidades: CDPI, CDPI Infantil, CDPI Mulher e o CDPI Ressonância Magnética Aberta, que inovou no Brasil, ao adotar máquina para exame de pessoas que sofrem de claustrofobia e, por isso, não toleram ambientes fechados.

O artigo foi útil para você?

Receba as últimas notícias de Mercado semanalmente no seu e-mail.

Compartilhe