HIS17 Já emitiu sua credencial gratuita para o HIS '17? Clique aqui

Casa Conectada: Internet das Coisas (IoT) em Home Care

Publicidade

Utilizar a tecnologia em home care pode ser um desafio. O envelhecimento populacional e o aumento de patologias crônicas aumentou o número de pacientes que precisam de cuidados em casa.

Ao observar que a qualidade da assistência nesse segmento evoluiu muito pouco nas últimas décadas, a Viventi Home Care identificou uma oportunidade de entregar segurança e um melhor cuidado aos pacientes através de dispositivos de monitoramento. Assim, o usuário teria uma supervisão conectada a uma central de médicos em plantão 24 horas por dia, evitando o agravamento de doenças e diminuindo as idas ao pronto socorro.

A instituição disponibilizou para todos os pacientes ferramentas como oxímetros, aparelhos de PA, glicosímetros e termômetros conectados por bluetooth a um celular ou tablet. Também foram instalados equipamentos de conectividade e monitorização de ambientes, que possibilitam criar alertas automáticos para quedas e outros eventos, além da visão direta dos pacientes com o uso de “câmeras inteligentes” que utilizam algoritmos para reconhecer padrões.

Rodrigo Aquino, o CEO da Viventi Home Care, explicou um pouco mais sobre essas tecnologias:

‘’ Aparelhos de aferição, sensores e câmeras que disponham de Bluetooth são parametrizados para enviar dados a um dispositivo, que pode ser um smartphone, tablet ou computador. Este dispositivo, utilizando uma conexão de internet Wi-Fi, 3G ou 4G, comunica-se com uma central de controle, que por sua vez comunica-se com com o paciente, familiar ou equipe médica – de acordo com os usuários cadastrados para receber alertas. Tudo pensado para que seja simples e prático, visualizando o usuário e suas necessidades.”

Como consequência, a empresa conseguiu reduzir as idas desnecessárias à emergência e prevenir readmissões hospitalares. Isso gerou uma significativa redução de custo. Além disso, ofereceu segurança e promoveu a saúde dos idosos e dos portadores de doenças crônicas. Houve também um aumento da satisfação dos clientes, mensurada por pesquisas.

Com o novo sistema implementado pela Viventi, é possível intervir minutos após a ocorrência de um evento adverso, como aumento de pressão ou pico de glicemia. Assim, o paciente é orientado a resolver a questão em sua casa. ‘’ Existem projetos em andamento visando maior mobilidade ao paciente de home care. “Acreditamos que o home tem que ser mais flexível, proporcionando maior independência, vivência e socialização dos pacientes, respeitando seus quadros clínicos. Queremos promover cuidados para além das fronteiras da casa”, discorre o CEO.

É importante lembrar que o case ainda está em andamento e seus resultados são acompanhados mensalmente em reuniões gerenciais. Com essas respostas, é feita a remuneração variável dos colaboradores, ligada a indicadores como satisfação do cliente e rentabilidade. A empresa acredita que isso amplie o compromisso de todos com o crescimento sustentável dessa nova área de negócios na empresa.

       
Publicidade

Deixe uma resposta