HIS17 | Healthcare Innovation Show Compre 1 convite e leve 2, e economize 50% durante a pré-venda! Saiba mais

Carci disponibiliza tecnologia para atletas que competirão nas olimpíadas de Beijing 2008

Publicidade

Soluções auxiliarão no desempenho dos competidores durante as provas

Mais uma vez, a Carci, líder no fornecimento de produtos para Fisioterapia e Reabilitação Física, marca presença junto ao esporte brasileiro por intermédio das soluções utilizadas no Centro Olímpico de São Paulo. Recursos como a avaliação do sistema músculo-esquelético, do movimento e análise biomecânica foram utilizados no preparo dos atletas brasileiros que competirão nas Olimpíadas de Beijing 2008.

Distribuídos no Brasil com exclusividade pela Carci, os sistemas isocinético Biodex e a plataforma de força Kistler proporcionam total acurácia na avaliação e diagnóstico dos atletas. “Tais recursos proporcionam aos esportistas condições de competir em nível de igualdade com representantes da Europa e EUA, locais onde os sistemas são amplamente utilizados na área esportiva”, explica o engenheiro da Carci, Orlandi de Carvalho.

Composto por dinamômetro e um software específico, o sistema Biodex coleta dados e gera relatórios que possibilitam identificar com precisão o que cada atleta pode render e quanto é possível exigir nos treinos. “Na prática o isocinético Biodex combina diversas técnicas que permitem, de forma simplificada, obter testes de reeducação muscular, de coluna, avaliação de joelho, tornozelo e ombro”, acrescenta o executivo.

Importante ferramenta para acompanhamento e reabilitação dos esportistas, o isocinético conta ainda com total suporte da Carci. “Disponibilizamos treinamento e manutenção realizados por profissionais qualificados treinados na fábrica da Biodex, nos EUA. Com isso, oferecemos total acompanhamento para que a solução possa ser bem aproveitada”, finaliza Carvalho.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta