Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Campinas sedia evento sobre medicamentos fitoterápicos

Publicidade

A qualidade das plantas medicinais será o tema do 3º Simpósio Internacional de Melhoramento de Plantas Medicinais e Aromáticas, que ocorre entre 5 e 8 de julho, em Campinas (SP).
O evento, organizado pelo Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (CPQBA) da Universidade, Unesp, CEFET-PR e Instituto Agronômico de Campinas (IAC), reunirá os maiores especialistas do mundo na área. Serão apresentados cerca de 260 trabalhos, que posteriormente serão reunidos em uma publicação. O objetivo do encontro, que acontece pela primeira vez no Brasil, é viabilizar modelos mais eficientes para a produção de medicamentos fitoterápicos.
Durante o Simpósio serão discutidos temas ligados a toda a cadeia produtiva das plantas medicinais, com ênfase, como já foi dito, à questão da qualidade. Isso inclui aspectos referentes à biodiversidade, biotecnologia, química, etnobotânica, entre outros. Graças aos avanços registrados nessas áreas, já é possível obter chá com qualidade equiparável aos medicamentos chamados de ?última geração?. A legislação brasileira, prossegue o especialista, coloca na mesma categoria os medicamentos sintéticos e os obtidos a partir de uma planta. Assim, é preciso provar tanto a eficácia quanto a segurança (não-toxicidade) de um fitomedicamento. O pesquisador do CPQBA destaca que esse cuidado com o melhoramento das variedades não atende apenas ao interesse da indústria farmacêutica, como pode parecer num primeiro momento.
O evento contará com a apresentação de aproximadamente 260 trabalhos dos maiores especialistas do mundo na área, que posteriormente serão reunidos em uma publicação.
O objetivo do encontro, que ocorre pela primeira vez no Brasil, é viabilizar modelos mais eficientes para a produção de medicamentos fitoterápicos. Serão discutidos temas ligados a toda a cadeia produtiva das plantas medicinais, incluindo aspectos referentes à biodiversidade, biotecnologia, química e etnobotânica.
O idioma oficial dos eventos é o inglês, mas as atividades contarão com tradução simultânea para o português. As inscrições podem ser feitas por meio do site www.ismap.com.br. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail committee@ismap.com.br.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta