Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Campinas amplia atendimento público em homeopatia

Publicidade

A Escola Paulista de Homeopatia (EPH) firmou um convênio com a prefeitura de Campinas, interior de São Paulo, para assessoria técnica aos médicos homeopatas da rede pública e proporcionar capacitação aos médicos não homeopatas – através do curso de formação da EPH.
É o primeiro convênio nesse sentido da EPH, cuja diretoria espera assessorar outros municípios e assim oficializar e ampliar o acesso à homeopatia junto à população mais carente. Segundo a entidade, a homeopatia reduz os custos no tratamento médico e proporciona melhor qualidade de vida ao paciente. Já existem experiências bem sucedidas em postos de saúde municipais da capital paulista, Uberlândia (MG) e na própria cidade de Campinas.
Desde 1989 Campinas já possui um ambulatório municipal de homeopatia. Além disso, remanejaram diversos profissionais homeopatas para atuar nas Unidades Básicas de Saúde. A EPH irá ajudar na discussão científica da homeopatia no município, a reciclar os profissionais e fomentar a incorporação dessa prática médica na rede pública.
Levantamento da Secretaria Municipal da Saúde identificou 37 médicos da rede com formação em homeopatia. Desse número, 17 atuam no ambulatório e nas unidades básicas de saúde. Campinas também foi o primeiro município do País a colocar no calendário oficial de evento da cidade a Semana da Homeopatia ? a partir do dia 21 de novembro.
O apoio das instâncias governamentais é fundamental na implantação da homeopatia na rede pública. Municípios que oferecem essa especialidade médica ainda não oficializaram a prática com uma política específica, o que impede, por exemplo, a contratação direta de médicos homeopatas. Os que atendem na rede municipal em geral são médicos de carreira que possuem formação em homeopatia e acabam sendo remanejados para atendimento homeopático pelas respectivas secretarias de saúde.
Tramita na Câmara Municipal de São Paulo um projeto para oficializar a homeopatia na rede paulistana e outro para criar o Dia das Terapias não Convencionais ? ambos de autoria do vereador Gilberto Natalini e reivindicados pela EPH. Na Assembléia Legislativa também existe um Projeto de Lei que pretende implantar a homeopatia no atendimento de saúde estadual.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta