🚀 HIS18 Já conferiu os primeiros palestrantes do HIS? Já são mais de 20! CLIQUE AQUI

Campanha nacional de vacinação contra polio começa sábado

Publicidade

Começa neste sábado, dia 21 de agosto, a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a poliomielite, doença mais conhecida como paralisia infantil. Pela primeira vez a campanha vai durar quinze dias. Por isso, até o dia 3 de setembro, as crianças de São Paulo devem ser levadas aos postos de saúde. As crianças até cinco anos vão receber a segunda dose da vacina contra paralisia. E as de 12 meses a 4 anos vão ser imunizadas também com a vacina Tríplice Viral, um reforço contra sarampo, rubéola e caxumba. A meta do Ministério da Saúde é vacinar, em São Paulo, 3,3 milhões crianças contra a paralisia infantil e 2,6 milhões contra sarampo, rubéola e caxumba. Já a meta nacional é imunizar pelo menos 95% das crianças menores de 5 anos, ou seja, mais de 17 milhões de crianças contra pólio e 13,7 milhões contra o sarampo. Para isto, 117 mil postos de saúde e 439 mil pessoas, em todo o país, estarão envolvidos na mobilização.
Ao todo, serão distribuídas 26,9 mil doses da vacina contra a pólio e 20,1 mil da Tríplice Viral. O recurso total investido é de R$ 103,5 milhões.
Mesmo as crianças que estiverem com tosse, gripe ou diarréia devem ser vacinadas. A vacina não tem contra-indicação. O responsável pelas crianças deve levar, também, o cartão de vacinação ao posto de saúde. Caso o documento esteja desatualizado, serão aplicadas também as vacinas que faltam. As doses contra a pólio e o sarampo serão aplicadas mesmo sem o cartão.
Além de proteger contra a paralisia e o sarampo, a vacinação de todas as crianças garantirá que nenhum caso dessas doenças volte a ser registrado no Brasil. É importante que todos saibam que não existe tratamento para a paralisia infantil e, somente a prevenção, com a vacina, garante que criança estará protegida contra a doença. O sarampo é altamente contagioso e perigoso, podendo levar à desnutrição grave e até à morte.

       
Publicidade

Deixe uma resposta