Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Aumento dos seios: como acertar no tamanho da prótese?

Publicidade

As mamas são um dos símbolos da feminilidade e da auto-estima da mulher. Quando elas estão em desarmonia com o corpo, a silhueta fica prejudicada, ocasionando transtornos psicológicos e sociais. Mas tão importante quanto resolver essa desarmonia estética é adequar o tamanho do implante ao tipo corporal de cada mulher. Por exemplo, uma prótese grande fica bem para uma mulher alta ou que tenha quadris largos. Se mal indicada, uma prótese muito grande pode causar a impressão de que a paciente está gorda, o que provocaria outro problema estético. Por outro lado, um implante pequeno demais também pode não causar efeito em alguém que precise de um tamanho maior. O principal na hora da escolha do tamanho das próteses, aconselha Penteado, é a mulher ter em mente que a prótese “é para a vida toda” e deve ficar bem em qualquer situação, não apenas em uma festa ou um período da vida. As pacientes mais novas, geralmente, são as que optam por implantes maiores para conquistarem um decote mais generoso. O que muitas esquecem é que a moda é passageira e o envelhecimento, não. Será que com 50 anos, elas ainda vão gostar desse visual? O visual almejado é compatível com as atividades profissionais que estas mulheres exercem? Para arbitrar esta disputa entre o desejado e o possível entra em campo o cirurgião plástico, que tem o papel de auxiliar a paciente a escolher o tamanho ideal. Por Ruben Penteado, cirurgião plástico, diretor do Centro de Medicina Integrada.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta