Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Atendimento humanizado é fator mais importante para paulistanos

Publicidade

Uma pesquisa realizada pelo Hospital Samaritano com 303 pessoas das regiões Oeste e Norte de São Paulo apontou que para 87% dos pacientes o atendimento humanizado, rápido e organizado é o fator mais importante em um hospital. Na avaliação espontânea, os entrevistados elegeram como prioridades a equipe médica e de enfermagem (77%), a tecnologia e as instalações (50%) e limpeza e higiene (40%).
A hotelaria e as instalações foram considerados fatores prioritários para 20% e 12% dos pacientes, respectivamente.
Quando participaram da avaliação estimulada, os entrevistados responderam que o mais importante era a existência de um pronto-socorro adulto e infantil e um bom serviço de informações e atendimento da recepção.
Na pesquisa realizada com 60 médicos do corpo clínico do hospital, 85% consideram o suporte de equipamentos, tecnologia e material um fator fundamental. Para 67%, o mais importante é o suporte em termos de equipe, seguido de atendimento (40%), hotelaria (27%), agilidade administrativa (18%) e localização (17%).
Na avaliação estimulada, os fatores considerados mais importantes foram um bom serviço de informações e atendimento na recepção, boa reputação no mercado e remuneração do corpo clínico.
Na avaliação das 17 empresas entrevistadas, os aspectos mais importantes são tecnologia e estrutura, equipamentos de diagnóstico, localização, corpo clínico e de enfermagem com atendimento humanizado e rápido, imagem e reputação de credibilidade e baixo índice de infecção hospitalar.
Na avaliação estimulada, os fatores considerados mais importantes foram a existência de um pronto-socorro adulto e infantil, ser um hospital geral, ter preço competitivo, bom serviço de informações e atendimento da recepção, ser indicado pelos médicos e planos de saúde e desenvolver programas de responsabilidade social.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta