Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Atech circula da área aeroespacial à saúde

Publicidade

A Atech Tecnologias Críticas, empresa do pólo aeroespacial brasileiro, ingressa na área de saúde com dois novos softwares e na expectativa de conquistar uma nova parcela do mercado no ano de 2009. Segundo o gerente de projetos da empresa, Marcelo Almeida, a migração de área de atuação é facilitada pela existência de uma inteligência desenvolvida e aplicada em projeto nas ofertas da empresa.
Deixe o seu comentário sobre esta notícia
Tem mais informações sobre o tema? Então, clique  
A transição de tecnologias aeroespaciais para outros segmentos de mercado tem sido uma tendência mundial. De acordo com Almeida, a Atech tem investido nesta diversificação. Somente no desenvolvimento e pesquisa dos dois novos softwares para a área de saúde, a organização aplicou cerca de R$ 20 milhões.
“Mesmo com a incerteza do mercado, devido à crise mundial, estamos otimistas com esse novo nicho. A nossa participação de mercado deve estar em torno de 30% do mercado de soluções para gestão de saúde pública e para 2009, a expectativa é ampliar os negócios para o setor da saúde pública em todo o Brasil”, afirmou.
A Atech colocará no mercado dois sistemas recém-criados, o Infomax e o Siga Saúde. O Infomax oferece informações estratégicas a gestores da área pública e privada para a tomada rápida de decisões. Ele opera em ambiente web e fornece informação sobre oferta, demanda e procedimentos administrativos dentro do setor, tudo em tempo real. O software tem a capacidade de cruzar dados, visualizar referências geográficas e analisar resultados, dando condições aos administradores públicos de todas as esferas poderem estudar com profundidade a oferta e demanda de produtos e serviços. Além de analisar o nível de aceitação e eficiência da empresa ou órgão público. Outra possibilidade apresentada pelo Infomax é dar condições ao usuário de ter indicadores que apontem para estratégias de aumento de produtividade e redução de custos.
O segundo produto é o Sistema Integrado de Gestão e Assistência à Saúde, denominado de Siga Saúde. Esse é um software público desenvolvido, implantado e aperfeiçoado pela Atech nos últimos quatro anos em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo. O sistema já atende a capital paulista e o município de Diadema. Ele permite a gestão de informações em saúde pública e está interligado ao Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo Almeida, o Siga Saúde proporciona a identificação única do paciente, o que facilita na marcação de consultas nos próprios locais de atendimento, obtenção do histórico clínico entre outros benefícios.
Um dos principais objetivos desse sistema é permitir a redução de filas de espera e gerir recursos, como medicamentos e estoques de materiais. “O Siga Saúde pode ser implantado em qualquer município do território nacional mediante a cessão de uso obtida junto à Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo”, diz.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta