Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Albert Einstein inicia pesquisa com células-tronco para Infarto Agudo do Miocárdio

Publicidade

Teve início este mês mais uma etapa do estudo multicêntrico com terapia celular em cardiologia do Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein (IIEP). Pesquisadores aplicaram uma injeção de células-tronco diretamente na artéria coronária de um paciente vítima de Infarto Agudo do Miocárdio. Participam da pesquisa também o Hospital São Paulo, Hospital Estadual Mário Covas e o Hospital Municipal do Grajaú. O transplante foi realizado com células obtidas da medula óssea de um paciente, que foi diagnosticado com déficit do músculo cardíaco. Segundo a teoria do procedimento, a injeção diretamente na artéria coronária faz com que as células se distribuam de maneira mais homogênea na região acometida pelo infarto, seguindo assim a irrigação natural do músculo cardíaco lesado, de maneira muito menos invasiva.
Apesar de ainda se tratar de um único procedimento e do curtíssimo tempo de recuperação do paciente, a análise inicial sugere que a injeção de células-tronco, da forma como foi executada, seja segura. Os fatores que determinarão o sucesso do transplante ainda precisam ser avaliados ao longo dos próximos meses. O estudo só estará concluído após a realização do procedimento em mais de 40 pacientes. Se o método for 100% eficaz, esta alternativa poderá reduzir significativamente as chances de morte de pacientes vítimas de infarto, cujas lesões são de nível moderado a importante.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta