Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Albert Einstein assina acordo para ajuda ao Haiti

Publicidade

O Hospital Israelita Albert Einstein apoiará integração do deficiente físico e a construção de um Instituto Nacional Haitiano de Reabilitação (INHR), que será feito por meio da capacitação de auxiliares em reabilitação e da construção de um prédio. A missão Cooperação Brasil-Haiti é uma iniciativa da Associação Brasileira de Cooperação (ABC), órgão do Ministério das Relações Exteriores, em conjunto com o Ministério da Saúde do Brasil.

A iniciativa complementa o trabalho que o Einstein já vem realizando desde o início de 2010, quando houve o terremoto no Haiti. Segundo o presidente do Albert Einstein, Claudio Luiz Lottenberg, esta segunda missão consiste em um projeto de peso que visa a dar continuidade ao trabalho inicial e fortalecer o círculo humanitário desenvolvido com a população haitiana.

De acordo com Alberto Hideki Kanamura, superintendente do Instituto Israelita de Responsabilidade Social (IIRS), a proposta de contribuição à ABC inclui transferir os conhecimentos dos profissionais do Einstein sobre reabilitação aos cuidadores haitianos. Será criada uma unidade de treinamento de auxiliares de reabilitação como primeira atividade do Instituto Nacional Haitiano de Reabilitação, aumentando a capacidade técnica dos colaboradores que trabalham nas instituições de amparo ao deficiente.

Outra ação será a construção de uma unidade de 1.500 metros em estrutura pré-moldada no terreno reservado para a sede do INHR. Essa unidade seria destinada a um primeiro centro de reabilitação, abrigando, no primeiro momento, o projeto de treinamento que será promovido.

Segundo a instituição, a proposta é auxiliar as entidades que cuidam de deficientes na formação de mão de obra qualificada para os cuidados básicos de manutenção da saúde, de habilitação e reabilitação. Dois tipos de cursos serão oferecidos: Capacitação Básica, de duas semanas, 80 horas, destinado à reciclagem de todas as pessoas que trabalham com deficientes; Capacitação Técnica em Reabilitação (física, cognitiva, visual e auditiva), de 12 semanas, 240 horas, destinado a profissionais que já atuam em reabilitação (enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem). No total, serão oito cursos de capacitação ao longo de dois anos, 50 alunos por curso, totalizando 400 profissionais treinados.

Leia mais:

Brasil envia medicamentos para combater cólera no Haiti

Você tem Twitter? Então, siga  http://twitter.com/ e fique por dentro das principais notícias do setor.

 

 

 

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta