Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Aids: SP aponta redução de 72% no número de casos de transmissão vertical da doença

Publicidade

O Estado de São Paulo reduziu em 72% o índice de transmissão vertical de Aids durante a gestação, parto ou aleitamento. O dado foi apontado pelo balanço sobre a doença realizado pela Secretária do Estado de Saúde. Em 2005 foram notificados 106 casos de Aids por transmissão vertical contra 372 ocorrências em 1996. A diminuição de infecção de HIV por transmissão vertical foi atribuída às ações realizadas pela Secretaria, como distribuição gratuita de anti-retrovirais às gestantes soropositivas e a realização do teste para detecção do vírus durante o pré-natal, obrigatório desde 1999.
Além disso, o Estado segue as diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS), assegurando a substituição do aleitamento materno pelo leite artificial ou leite humano pasteurizado no caso de gestantes portadoras da Aids, com distribuição gratuita do alimento para crianças de até seis meses.
Também aumentou o número de parturientes soropositivas tratadas, passando de 784 casos em 1997 para 2.517 em 2002 em decorrência da implantação do AZT endovenoso no momento do parto.
No período de 1980 até 30 de junho de 2006 foram notificados ao Sistema de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo 151.961 casos de Aids. Entre estes, 70,45% (107.058) são homens e 29,55% (44.903), mulheres.
Os dados completos sobre Aids no Estado de São Paulo estão disponíveis no site www.crt.saude.sp.gov.br.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta