Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Medicina diagnóstica vai crescer 8,3% em 2012

Publicidade

O segmento de Medicina Diagnóstica deve crescer 8,3%, atingindo receita de R$ 20,2 bilhões e totalizando 7,98 exames por habitante em 2012. A estimativa é do primeiro relatório divulgado pela consultoria Formato Clínico.

De acordo com a pesquisa, no ano passado, foram realizados 1,4 bilhão de exames diagnósticos ou 7,43 exames por habitante. Considerando preços médios praticados, distribuição habitual de exames no mercado privado e os gastos realizados pelo governo, a medicina diagnóstica gerou aproximadamente R$ 18, 6 bilhões de receitas, sendo 74,5% destas no o setor privado. O preço médio por exame foi de R$ 13,12 para o mercado em geral, R$ 19,44 para o setor privado e R$ 6,71 para o público.

ÍndicePrivadoPúblico
Receitas (R$ milhões)13.8644.728
Preço Médio (R$)19,44(c)6,71
Análises Clínicas8,23(c)4,06
Anatomia Patológica23,57(c)10,99
Radiologia e outros75,17(c)19,46

Calculado por estimativa de preço médio de mercado e distribuição habitual de exames.

Segundo o sócio da Formato Clínico, Gustavo Campana, o  setor privado deve crescer próximo a 12% em 2012, enquanto que o público deverá manter a taxa de 5,6%, ambos próximos aos dados do ano anterior. O maior crescimento privado deve-se, principalmente, à tendência de utilização dos serviços privados pelo sistema público e crescimento previsto do número de beneficiários de planos de saúde, com maior número de exames por beneficiário ao ano quando comparado ao setor público.

De acordo com o relatório, o ano de 2011 foi marcado por dois principais fatores. Primeiro a continuidade do processo consolidação, com 10 transações realizadas e divulgadas (duas pela DASA; duas pelo Fleury; uma pelo Grupo Infinita, quatro pela Alliar; além de 30% de Hermes Pardini pelo fundo de investimentos Gávea) e, segundo, pela divulgação de nova resolução da ANS, exigindo das instituições um instrumento de avaliação de indicadores de desempenho.

O mercado de diagnósticos é composto por 19.294 unidades de serviços diagnósticos, com estimativa de cerca de 10 mil empresas no setor.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta