5º CONAHP debaterá “O Hospital do Futuro: O Futuro dos Hospitais”. Faça já sua inscrição → Clique aqui

Calendário da Saúde

Confira a agenda dos eventos mais importantes do setor.
Publicar meu evento

Workshops Taimin – Medicina Tradicional Chinesa e a Saúde Pública no Brasil

Data: 16/11 até 17/11

Local: Congresso Brasileiro de Ciências Farmacêuticas - Foz do Iguaçu (PR)

O uso de produtos da medicina tradicional chinesa como terapia complementar integrativa na contribuição da redução dos custos da saúde pública no Brasil. Esse é o foco central dos dois workshops que serão realizados dentro do Congresso Brasileiro de Ciências Farmacêuticas, que ocorre entre 15 e 18/11, em Foz do Iguaçu (PR).

Farmacêuticos e pesquisadores, entre outros profissionais da saúde, participarão dos workshops idealizados pela Taimin, empresa nacional que há 20 anos atua na promoção de saúde e bem-estar dos brasileiros, por meios de suas quatro unidades de negócios no país: traumatologia, artroscopia, cirurgia geral e medicina tradicional chinesa.

Os produtos da medicina tradicional chinesa não têm indicação terapêutica, ou seja, eles não se destinam a substituir ou ser alternativa aos tratamentos convencionais, mas sim, complementá-los. Por isso, o espectro de aplicação desses produtos feitos à base de extratos de vegetais, minerais e fungos extraídos de cogumelos, é bastante amplo.

Há mais de três anos a Taimin vem investindo em pesquisas de mercado e em parcerias com fornecedores que utilizam a mais alta tecnologia na geração de produtos inovadores e de qualidade

“A busca pelo envelhecimento saudável é uma tendência mundial. E há mais de 8 mil anos a medicina tradicional chinesa, com seu amplo espectro de atuação, tem contribuído para melhoria da qualidade de vida de milhares de pessoas ao redor do mundo. Porém, no Brasil ainda há poucas empresas atuando nesse setor que é bastante promissor, apesar de novo (foi regulamentado em 2014, pela RDC 21)”, explica Marcos Tam, diretor financeiro e porta-voz da Taimin.

O Congresso Brasileiro de Ciências Farmacêuticas espera receber cerca de 4 mil pessoas, entre farmacêuticos, pesquisadores e estudantes do Brasil e exterior.
Visite o site do evento