✉️ NEWSLETTER Assine gratuitamente e atualize-se semanalmente Assinar

Calendário da Saúde

Confira a agenda dos eventos mais importantes do setor.
Publicar meu evento

Simpósio “Desafios da Desospitalização”

Data: 22/11

Local: Centro Empresarial Mourisco – Praia de Botafogo, 501. Rio de Janeiro/RJ

Para discutir as possibilidades de cuidados integrados pós-hospitalares e os desafios acerca da efetivação desse modelo na rotina assistencial, o Hospital Placi, um dos pioneiros no Brasil em cuidados de transição, realizará nesta quarta-feira, 22/11, no Rio de Janeiro, o simpósio “Desafios na Desospitalização”, tendo como mediador o Dr. Carlos Alberto Chiesa, diretor-presidente do Placi.

Na abertura do evento, o Dr. João Luís Ferreira Costa, professor de MBA em Saúde da Fundação Getúlio Vargas, falará sobre “A lógica da linha de cuidado assistencial” fazendo uma atualização sobre como se enxerga uma linha lógica, racional e eficiente de cuidado assistencial, tanto pré-hospitalar quanto pós-hospitalar. Em seguida, a Dra. Anelise Fonseca, gerente médica da unidade Botafogo do Placi, trará aos participantes dados de casos clínicos atendidos no hospital.

A programação inclui ainda uma mesa-redonda, reunindo o Dr. Kleber Cruz, diretor-geral do Hospital Copa D´Or, que abordará os principais desafios para garantir um processo de desospitalização eficiente; o Dr. Luiz Claudio Marrochi, presidente do Nead (Núcleo Nacional das Empresas de Serviços de Atenção Domiciliar), falando sobre o melhor momento para transferência do paciente para o domicílio e os desafios vivenciados na prática; Dr. João Paulo dos Reis, vice-presidente da Unidas (União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde), comentando o impacto do envelhecimento na permanência hospitalar prolongada e a necessidade de gestão adequada dos recursos assistenciais; e a Dra. Ariane Mutti, gerente nacional de Desospitalização da Amil, que destacará os principais desafios para identificação e transferência mais precoce dos pacientes.

Ao reunir uma equipe interdisciplinar — são médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, psicólogos e assistentes sociais —, o Hospital Placi, que tem unidades em Botafogo e Niterói, oferece acompanhamento integral a pacientes crônicos ou com necessidade de recuperação prolongada, seja para reabilitação, assistência continuada ou cuidados paliativos.