Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

CopaStar: Novo hospital da Rede D’Or São Luiz

Publicidade

Com uma área construída de 21 mil m², sete andares dedicados à assistência e espaços exclusivos como o Estar de acompanhantes, o hospital CopaStar se propõe a ir além da alta tecnologia dos equipamentos, design moderno e assistência médica qualificada, que já são o padrão da Rede D’Or São Luiz. Localizado em Copacabana, no Rio de Janeiro, com estrutura de hotelaria de alto nível e equipamentos de última geração, o CopaStar tem como missão oferecer serviços exclusivos e personalizados para pacientes e médicos.

Com investimento de R$ 400 milhões, sendo mais de R$ 150 milhões na aquisição de equipamentos médicos, o CopaStar apresenta um inovador conceito em unidade hospitalar com o desenvolvimento de dispositivos exclusivos, como o Smart Hospitality associando tecnologia e conforto à assistência.

– Espaços amplos e tecnologia também são realidade no centro cirúrgico. Das nove salas cirúrgicas, três são dotadas de equipamentos de última geração: uma com foco em neurocirurgia, integrada ao aparelho de ressonância magnética; outra equipada com um robô Da Vinci – permitirá a realização de cirurgias minimamente invasivas em inúmeras especialidades; a terceira, conhecida como sala híbrida, possui um angiógrafo robótico – afirma o diretor técnico, Dr. Paulo Tinoco.

O conceito de assistência personalizada se aplica também aos Centros de Terapia Intensiva, onde os pacientes terão acomodações exclusivas, com quartos privativos e possibilidade de permanecerem com acompanhante. Outro diferencial será o horário de visita estendida, que irá acontecer das 10h às 22h.

Haverá unidades de terapia intensiva para Medicina Interna, Doenças Cardiovasculares e Pós-operatório. Neste complexo, a equipe assistencial qualificada conta com recursos como a integração em tempo real de dados dos monitores cardíacos e ventiladores mecânicos e posição do leito ao prontuário eletrônico do paciente, reforçando o conceito de conectividade – explica o gerente do centro de terapias intensivas, Dr. Fábio Miranda.

Desenvolvido exclusivamente para o CopaStar, o sistema Smart Hospitality foi concebido para aumentar o bem-estar do paciente e seu acompanhante. Através de um tablet é possível controlar luminosidade e temperatura do quarto, fazer chamadas de vídeo para a equipe de saúde, assim como realizar contatos externos com o médico assistente. A ferramenta digital, ainda possibilita que o paciente compreenda melhor o planejamento do seu cuidado, visualizando com seu médico os exames realizados e outras informações sobre seu caso clínico.

A agilidade da assistência estará presente também nos postos de enfermagem. Entre os diferenciais estão os dispensários eletrônicos de medicação e o sistema de tripla checagem. Esta ferramenta permite, através da utilização de um leitor de códigos de barras, que sejam verificados o código do medicamento, da pulseira do paciente e do crachá do profissional, garantindo assim mais segurança.

Para atender ao corpo clínico altamente qualificado, o CopaStar abriga o que há de mais moderno em tecnologia na área da medicina. O serviço de apoio ao diagnóstico e terapia contará com equipamentos como Tomógrafo de Dupla Energia e o SPECT/CT com 16 canais, que reúne as vantagens da cintilografia com as da tomografia em um mesmo aparelho, trazendo maior agilidade e precisão ao exame.

Laboratório com tecnologia avançada – A unidade laboratorial irá contar com o que há de mais moderno no setor de diagnósticos. Os exames serão realizados em plataformas automatizadas, ressaltando o compromisso com a segurança do paciente e o conceito de qualidade da Rede D’Or São Luiz. A exemplo, o setor de Microbiologia irá dispor da tecnologia MALDI TOF, que se baseia na Espectrometria de Massa e vem sendo revolucionária para a microbiologia clínica, pois viabiliza maior precisão e um ganho expressivo no tempo de diagnóstico. Enquanto em outras técnicas a identificação microbiológica ocorre entre 12 e 48 horas, com o MALDI TOF esse processo é concluído em minutos, o que é de extrema importância em quadros de infecções sistêmicas.  Além do MALDI TOF, o setor de microbiologia também irá dispor de um software específico, exclusivo no Brasil, que possibilitará o acesso online dos laudos e perfil microbiológico em tempo real.

Hotelaria e serviço de luxo – O projeto arquitetônico agrega beleza e conforto ao espaço físico com ambientes harmônicos e sofisticados. Duas esculturas do artista plástico Yutaka Toyota estão dispostas no CopaStar: “Espaço Infinito 2016”, na área externa; e “Espaço Eternidade 2016”, no Hall principal do hospital. Segundo Toyota, as obras simbolizam infinitas possibilidades de superação, pela integração da tecnologia com a força humana. O hall interno do hospital está decorado com um painel do Coletivo Muda.

– Um dos focos estratégicos do CopaStar é oferecer uma experiência diferenciada no período de internação hospitalar. Para tanto, a equipe de hotelaria está preparada a atuar com discrição e eficiência, é composta por profissionais capacitados e serviço de concièrge, viabilizando atendimento personalizado ao paciente e seus familiares – comenta a gerente de hotelaria, Patrícia Prata.

O serviço de restaurante contará com cardápio inovador, elaborado dentro de alto padrão culinário, harmonizado com os requisitos de uma gastronomia saudável e de qualidade.

Qualificação e humanização – O rigoroso processo de seleção de profissionais que integram a equipe do CopaStar foi baseado em critérios técnicos e competências comportamentais. Todos os profissionais foram submetidos à qualificação e capacitação pelo Centro de Ensino e Treinamento IDOR. Os cursos oferecidos contavam com simulação realística com sessões de debriefing para análise e orientação da melhor conduta a ser tomada.

– O atendimento ao paciente será personalizado desde o momento da entrada no hospital. Cada paciente será acompanhado, diariamente, pelo mesmo grupo de profissionais. Isso é possível porque a equipe de enfermagem irá atuar em um padrão de escala diferenciado, que visa à continuidade do cuidado – esclarece a gerente de enfermagem, Fabrícia Loro.

O CopaStar contará com serviço de UTI móvel com equipamentos de alta tecnologia e serviço de telemedicina. Essa ferramenta de conectividade torna o atendimento mais eficiente, uma vez que todas as informações serão disponibilizadas online para a equipe no hospital. A ambulância prestará atendimento mediante solicitação do médico assistente.

A emergência do CopaStar tem estruturação resolutiva e apta a avaliar o paciente para o médico assistente, com participação deste na tomada de decisão e acompanhamento do quadro. O setor conta com cardiologista e serviço de Hemodinâmica 24h por dia.

– Pacientes com suspeita de acidente vascular encefálico também contarão com atenção diferenciada para diagnóstico e tratamento precoces – descreve a coordenadora do serviço, Dra. Paula Spirito.

As práticas assistenciais estão alinhadas ao propósito fundamental de promover maior segurança e conforto aos pacientes, pautadas nas diretrizes das principais sociedades médicas, nacionais e internacionais, bem como em consonância com as normas e legislação vigentes no Brasil.

– Nesse sentido o CopaStar surge reafirmando o compromisso da Rede D’Or São Luiz em buscar transformação tecnológica, institucional e profissional proporcionando o aprimoramento e a padronização de processos, tendo a excelência na prestação de serviços de saúde como seu principal foco. A busca por acreditações e certificações que atestem essa qualidade é uma das ações do planejamento estratégico do CopaStar – expõe a supervisora de treinamento e qualidade, Fernanda Camargo.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta