Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

Cenoura ou vara de marmelo? O que realmente estimula mudança?

Publicidade

Quem tem mais de 40 anos talvez recorde que muitos pais colocavam limites ou puniam seus filhos com ?vara de marmelo?: uma varinha fina, bastante flexível e que ardia bastante! Hoje a psiquiatria moderna substituiu este eficiente e barato método por Ritalina… mas não é este o tema que discutiremos.

Por outro lado a ?cenoura? representa um estímulo a alcançar algo. Mas tampouco discutiremos a origem deste simbolismo.

O ponto em questão é o que realmente vale: prêmio para bom comportamento ou punição para mau comportamento?

Pessoalmente sou adepto a incentivos positivos (tanto é que em nosso modelo de pagamento por performance, somente recomendamos a premiação pelo bom desempenho). No entanto, recentemente um estudo apresentado pelo Centro para Desenhos de Seguros Baseado em Valor da  Universidade do Michigan http://www.sph.umich.edu/vbidcenter/ conclui que empregadores, em vários estados americanos, tem tido sucesso na mudança de comportamentos através da punição por mau comportamento.  Perceberam que penalizar alguém por não fazer algo é mais efetivo do que recompensá-los por ?bom comportamento?. No nosso dia a dia, já observamos isso no uso obrigatório do cinto de segurança: as pessoas só passaram a usar cinto de segurança de forma mais efetiva depois que as multas começaram a ocorrer.

Se trouxermos este aprendizado para a saúde, devemos incentivar o bom desempenho ou devemos criar formas de ?punir? o mau desempenho? E o que é ?bom desempenho? ou ?mau desempenho??  Quanto ao bom desempenho, já está bastante evidente a relação do desempenho à qualidade da assistência. Por outro lado, o mau desempenho em saúde tem sido apontado por muitos como sendo a auto geração excessiva de exames ou de procedimentos de forma comprovadamente desnecessária, o direcionamento para órteses e próteses em troca de comissionamentos, e ainda causar danos aos pacientes dentro de um hospital por não seguir as diretrizes médicas, dentre outros exemplos.

O único órgão em nosso país com poder para ?punir? o mau comportamento de médicos são os Conselhos de Medicina. No entanto, já escutei semelhantes discursos em alguns grandes Conselhos Regionais de Medicina que só não há punição porque poucas são as operadoras de saúde que tem coragem de denunciar. ?Os gestores do plano de saúde reclamam das fraudes, mas não trazem provas concretas para que o Conselho haja? disse um conselheiro de CRM.

Continuo não sendo adepto a ações punitivas associadas ao modelo de remuneração. Problemas de mau comportamento devem ser conduzidos pela esfera competente como CRM, ministério público e até a polícia federal. Associado à remuneração apenas o estímulo positivo através de incentivos, sejam eles financeiros ou não. São ações distintas que devem ser realizadas simultaneamente.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta