Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

A Importância da Boa Regularização

Publicidade

 No mercado da saúde, tomando como foco o Regime de Vigilância Sanitária, regularizar tem como sinônimo a expressão ?Pôr em ordem ¹?. A regularização de bens e serviços de interesse da saúde, tão falada pelo mercado, nada mais é então do que atender normas sanitárias para ?pôr em ordem? produtos e serviços que logo estarão à disposição da sociedade. E já se parou para pensar a razão disso?Pois bem. Uma ação de regularização oferta a oportunidade de colocar atos e bens exatamente de acordo com as determinações do Ente Regulador; no caso, a ANVISA. E isso é mais do que ficar farto por atender exigências e especificações. Referida regularização, por um olhar mais técnico, proporciona ao Regulado um dossiê de ações favoráveis à minimização dos riscos. Em outras palavras: evita problemas futuro. E, para isso, nada melhor do que manter-se atualizado às normatizações sanitárias.Um exemplo bem interesse sobre o qual se pode apoiar, é a implantação da RDC 59/00. O Controle da Qualidade além de aprovar e certificar um processo de produção, transporte, distribuição, armazenamento, contempla ao Regulado um fator muito interessante. O de conseguir rastrear ações e, com isso, se proteger de eventuais e futuras imputações.Fica então a sugestão: na hora de iniciar um projeto submetido ao Regime de Vigilância Sanitária, por todo o exposto, não economize tempo, dinheiro ou disposição. Procure estar presente a cada ação dos seus assessores, acompanhe de perto atos pelos quais é responsável e, na dúvida, procure especialistas para assessorá-lo e passe a entender a regularização como uma forte aliada. Agindo assim, problemas futuros poderão ser comprovadamente evitados.________________________¹ Dicionário de Língua Portuguesa Michaelis. 

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta