Referências da Saúde Quem foram os premiados da edição 2016? Confira agora

A fórmula para elevar em 30 vezes sua capacidade cirúrgica: Investir no Talento

Publicidade

Um dos grandes dilemas enfrentados pelos gestores hospitalares está presente na necessidade de ampliar as receitas de suas instituições mesmo sem dispor de recursos para investimentos em reformas, aquisição de equipamentos ou contratação de mão de obra.
Esta dificuldade se acentua ainda mais quando os projetos envolvem a infraestrutura física e administrativa para a montagem de parques cirúrgicos eficientes e rentáveis, suficientemente organizados para explorar ao máximo os custos fixos instalados.
Pois eis que representantes do Hospital Samaritano – SP, Hospital Evangélico-MG, Hospital Unimed BH-MG, Beneficência Portuguesa de São Paulo e Hospital São Camilo-SP durante suas participações em curso realizado pela Conduta Saúde no último sábado (11/10/14), descobriram a fórmula para equilibrar demandas, aparentemente, tão antagônicas.
Em uma dinâmica que visa integrar toda a cadeia de fornecimento de OPME’s, a equipe de profissionais simulou um fluxo completo de atividades, desde o agendamento cirúrgico até o fechamento da conta. Na sequência, o grupo aplicou as metodologias de revisão de processos do conteúdo programático do evento, com o intuito de obter resultados efetivos na melhoria da satisfação dos clientes, na eficiência operacional e na sustentabilidade financeira de uma linha de produção real de um hospital fictício.
Um reflexo das dificuldades que ocorrem no dia a dia das instituições de saúde: os participantes puderam identificar, em um ambiente controlado, os diversos gargalos e desperdícios que impedem um desempenho extraordinário na gestão de OPME, com impactos significativos nos custos, na segurança do paciente, na qualidade do serviço e no comprometimento dos colaboradores.
Sem desanimar diante dos problemas e do retrospecto extremamente desafiador imposto por outras turmas anteriores, esta equipe especial de profissionais conseguiu evoluir o desempenho do processo de forma a realizar 26 cirurgias no mesmo tempo no qual, antes, se realizava apenas 01.
As soluções assombrosamente eficazes propostas pelo grupo, mais do que validar a gestão de processos como ferramenta para impulsionar o resultado de hospitais, demonstraram claramente que o foco para aqueles líderes que esperam um crescimento excepcional de suas instituições não deve estar somente nos números financeiros ou na tecnologia de equipamentos e na beleza das instalações.
O verdadeiro sucesso está na capacidade das empresas em valorizar seus recursos humanos, fornecendo instrumentos que possibilitem o desenvolvimento de seus talentos e um grau de comprometimento que extrapole a simples cobrança pelo atingimento das metas.
Esta é a fórmula descoberta pelos participantes do curso e pelas empresas que estão investindo na sua capacitação.

Publicidade

Notícias como essa no seu e-mail

Faça como mais de 20.000 profissionais do setor de saúde e receba as últimas matérias no seu email.

Deixe uma resposta